quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Site da Colônia de Férias


No mês de novembro e dezembro, os animadores das Colônias de Férias Salesianas estão conhecendo e aprofundando o subsídio “Cultivando o amanhã”, baseado na Estréia do Reitor-Mor para 2009, e estão pensando à maneira de arrecadar o dinheiro para as várias despesas.
No mês de janeiro, as Colônias de Férias acontecerão em todo nordeste, contagiando de alegria salesiana milhares de crianças e adolescentes.
Esta experiência continua se expandindo para outras áreas e cidades. Em Curado (na grande Recife) um grupo, formado pelos Cooperadores e Jovens da comunidade, estará realizando a Colônia de Férias em bairros próximos (Curado II – Curado IV e Curado V), de 04 a 13 de janeiro, e na Cidade de Buenos Aires (na zona da mata pernambucana), de 14 a 18 de janeiro.

Com o objetivo principal de compartilhar o material da Colônia de Férias 2009 e dar mais subsídios aos animadores, foi montado um site, onde é possível baixar (fazer download) os capítulos do subsídio, ler artigos e assistir a vídeos.
O site também servirá para compartilhar notícias e fotos, quando as colônias forem acontecendo durante o mês de janeiro. O endereço é :

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Conselho AJS neste final de semana

Dias 13 e 14 haverá o Conselho Inspetorial da AJS. Todos assessores e coordenadores estão convidados para esta última reunião do ano. Será feita avaliação geral, avaliação das casas, estudo/sintese dos temas para 2009: Estréia e Campanha Fraternidade. Na noite do sábado também está sendo pensado um momento de confraternização e despedida do Pe. Luiz De Liberali.

Para confirmar presença, ligar para Inspetoria Salesiana e falar com Greice: (81) 2102.0800, ou responder o e-mail enviado (ajs@salesianosrec.org.br)

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Vamos dar de nossa pobreza: um missionário para Angola

Avaliamos positivamente, em outubro passado, uma das prioridades de 2008 que foi a Ação Missionária. Ela continua em 2009, agora integrando a prioridade da Evangelização. Apuramos que tem havido um crescimento em nossa preocupação missionária: estamos assumindo melhor as Romarias de Juazeiro, há um crescente envolvimento dos jovens nas Colônias de Férias, os formandos estão se comprometendo com semanas missionárias em comunidades carentes, houve contatos com comunidades indígenas no norte e na Bahia, formou-se ao menos um grupo missionário com alunos... A dimensão missionária começa a ter um brilho maior entre nós, graças a Deus.
Despertar o coração missionário é tocar em uma corda sensível do coração salesiano. Nossa predileção pelos jovens pobres (elemento integrante do carisma salesiano) faz-se compromisso concreto na medida em que crescemos em espírito missionário.
No mês passado, recebemos uma carta do Conselheiro para as missões, o Pe. Klement Václav, já em preparação da Expedição Missionária de 2009. O Reitor Mor, ao enviar o grupo deste ano, na Basílica de Turim, pediu “uma extraordinária generosidade missionária” para a expedição do 150º aniversário do nascimento da Congregação. A orientação do Superior Geral é que cada Inspetoria ofereça ao menos um missionário para esta ocasião. O pedido dá cumprimento ao que escrevemos no CG26: “cada Inspetoria promova o espírito missionário, coloque generosamente à disposição do Reitor Mor pessoal salesiano para as missões ad gentes”. (n. 49). Comentou o Pe. Klement em sua carta: “Seguramente, a generosidade missionária ad gentes é a mais crível expressão da disponibilidade à missão salesiana”. Na carta, o conselheiro dá orientações sobre como orientar e discernir as vocações missionárias ad gentes.
Nos últimos dias, fui surpreendido por um pedido do Reitor Mor para que liberasse o Pe. Luiz De Liberali para ser enviado às missões em Angola. É que ele escreveu ao Pe. Pascual Chávez colocando-se disponível. Entre outras coisas o Reitor me escreveu: “P. Luiz, conforme expressou em sua carta, amadureceu esta escolha no Capítulo Geral 26, em que participou como tradutor, e onde sentiu várias vezes apelos à paixão apostólica, diante da urgência de evangelizar em novas fronteiras, onde nos esperam os jovens mais pobres e necessitados. Ele está consciente de que no Nordeste do Brasil há ainda muita necessidade. Todavia ele tem razão quando diz que todas as Inspetorias devem dar da própria pobreza, com a lógica do Evangelho, e responder assim à minha iniciativa de enviar, em 2009, uma grande expedição missionária por ocasião do 150º aniversário da fundação da Congregação e para a qual cada Inspetoria é solicitada a enviar ao menos um irmão”.
É claro que o Pe. Luiz pensava na expedição proposta para 2009. Mas, o Reitor Mor, movido pelas necessidades em Angola, o convocava para final de janeiro próximo ou início de fevereiro. Confesso que fiquei assustado e temeroso com esta possível saída do Pe. Luiz. Ele ocupa um cargo central, de grandíssima importância na vida da Inspetoria, como delegado da pastoral juvenil, além de outras tarefas na comunicação social e em Caetés. Escrevi então ao Reitor Mor expondo nossa situação e sugerindo que ele fosse enviado em 2010.
Diante das necessidades em Angola, colocadas pelo Pe. Pascual, não pude não concordar. Referiu-me o superior que a Visitadoria de Angola perdeu boas lideranças com a nomeação de dois bispos (Pe. Edmundo Valenzuela e P. Tirso Blanco) e a eleição do inspetor como Conselheiro Regional para a África (P. Guillermo Basañes). “A situação de Angola não pode esperar”, escreveu-me o Reitor. E mais: “Aos pobres deve-se dar sempre com generosidade e o Senhor nos saberá recompensar. Te peço, pois, que com todo o sacrifício que supõe a ti e à Inspetoria, liberes o Pe. Luiz no final deste ano”. Sendo assim, respondi positivamente, informando que estamos dando de nossa pobreza, tirando do nosso melhor.
As palavras com que me dirigi ao Reitor Mor, ditas em nome de todos os irmãos, são também de gratidão ao Pe. Luiz pelos seus 18 anos de serviço à missão no Nordeste: “Acolho com gratidão a Deus o dom da vocação missionária deste irmão generoso e capaz, e a acolhida igualmente generosa do nosso Reitor Mor em favor da Visitadoria de Angola. Damos do pouco que temos. Damos com alegria em favor da juventude pobre de nossa Inspetoria irmã e em atenção aos irmãos que lá labutam com dedicação missionária. Vou me empenhar para que a Inspetoria verdadeiramente sinta esta partida missionária como sua, dando de nossa pobreza, confiantes na Providência Divina que não faltará a esta região do Brasil com bons, santos e numerosos salesianos”.
O Reitor Mor respondeu: “Parece-me muito bom quanto disseste sobre empenhar-te para que a Inspetoria entenda esta partida do Pe. Luiz De Liberali como uma participação da Inspetoria do Recife na extraordinária expedição missionária em ocasião dos 150º aniversário de fundação da Congregação Salesiana. Todos devemos dar da nossa pobreza e o Senhor pagará com generosidade e magnanimidade”. Além disso, Pe. Pascual nos fez uma promessa: na expedição de setembro, destinará um ou dois jovens missionários para o Nordeste. E completou: “O Senhor pagará a vocês com abundância de vocações”. Assim seja!

Pe. João Carlos - Inspetor

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

ULTIMA ETAPA DO CURSO DE ASSESSORES

Nos dias 08 e 09 deste mês foi realizado o oitavo e último encontro do Curso de assessores promovido pela Inspetoria Salesiana do Nordeste. O evento aconteceu na Chácara São Miguel, em Aldeia (Camaragibe - PE) e contou com a presença de 20 integrantes.
Durante o encontro, os participantes tiveram oportunidade de mostrar seus trabalhos, planejamentos e partilhar experiências. O lazer e as práticas religiosas, como a reza do terço e a celebração eucarística foram vivenciadas com muita comunhão e alegria.
No domingo, após a missa, foi feita a entrega dos certificados e uma avaliação de todo curso, no geral, muito positiva.

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Nordeste Jovem Nº03 em pdf

Durante o Festival da juventude Salesiana, foi entregue a edição Nº03 do Nordeste Jovem.
Você também pode tê-la no seu computador, é só clicar na imagem acima (vai aparecer uma página, clique em "download file").

Está em pdf, com2.5MB

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Festival da Juventude Salesiana

De 10 a 12 de outubro, uma média de 1.000 jovens vindos de diversas cidades do nordeste do Brasil se reuniram no Colégio Salesiano de Recife – Pernambuco, para realizar a 13ª edição do Festival da Juventude Salesiana, organizado pela Articulação da Juventude Salesiana do nordeste (AJS). O tema do Festival este ano foi “Jovens promovendo os direitos humanos”, inspirado na carta aos jovens publicada pelo reitor-mor neste ano e lembrando os 60 anos da Declaração da ONU.
Durante o evento, os jovens participaram de painel de testemunhos e de mini-fóruns, que ajudaram na reflexão do tema escolhido, e tiveram oportunidade de mostrar suas expressões artísticas através dos Festivais de Teatro, Música e Coreografia. Também foram realizadas duas celebrações eucarísticas: a primeira no sábado (11) pela manhã, presidida pelo conselheiro regional do Cone Sul, Pe. Natale Vitali, e a segunda no Domingo pela manhã, presidida pelo inspetor salesiano do Nordeste: Pe. João Carlos
Ribeiro.

Veja as fotos do evento na nossa galeria de fotos!!

sábado, 11 de outubro de 2008

COMEÇOU O FESTIVAL!! Veja o relato do que aconteceu até agora

Começou ontem o 13º Festival da Juventude Salesiana em Recife, contando com mais de 900 jovens inscritos. Após a chegada e o jantar, todos tiveram a acolhida na Quadra, com animação da Banda Nova Aliança, formada por ex-alunos do Colégio Salesiano Recife e apresentação do III Encontro Nacional da AJS. Também aconteceu uma pequena reunião com os assessores de cada delegação, para repasse de informações e melhor andamento do encontro.

Já na manhã de hoje, a Celebração Eucarística de início foi presidida pelo Pe. Natale Vitali, Conselheiro Regional do Cone-Sul dos Salesianos de Dom Bosco. Logo após, todos os jovens dirigiram-se ao Teatro, onde aconteceu a reflexão do tema de uma forma bem prática e dinâmica denominada “Painel de Testemunhos”. Para abrir o momento, adolescentes e jovens do Liceu de Salvador apresentaram “uma mini-peça teatral”, que trouxe a tona a declaração dos Direitos Humanos da ONU e sua vivência prática, de forma muito criativa e dinâmica, mostrando situações corriqueiras de violação de direito a educação, á dignidade, à liberdade de expressão, etc. Logo após vieram os testemunhos. O primeiro a falar foi o Maestro Jorge, hoje professor de música do Colégio Mazzarello (Recife). Sua trajetória de jovem negro e pobre, que sofreu com barreiras até dentro de casa, mas com um sonho: a música. Jorge já foi homenageado diversas vezes com seu trabalho no Instituto Magalhães Bastos, que atua com jovens de condição social desfavorável.
Em seguida foi a vez do testemunho de Lucas, um ex-oratoriano do Salesiano Recife, que mora numa comunidade pobre de Recife denominada Coelhos, que fica próxima ao Colégio, que mostrou sua trajetória no Oratório e sua atuação hoje na comunidade. Também a toca de Assis deu seu testemunho de fé com obras, mostrando seu trabalho junto aos mais pobres.
Ao invés de um pequeno intervalo, os jovens de Gramoré prepararam uma esquete muito animada e ao mesmo tempo cheia de reflexão sobre o direitos humanos, não deixando de ser um testemunho, assim como o ato de abertura feito pelo Liceu, de como se pode divulgar e fazer refletir sobre os direitos humanos através da arte.
Com este novo fôlego, a Ir. Sônia, das Irmãs da Caridade e o jovem Ricardo trouxeram testemunhos de resgate do sentimento e da dignidade de ser humano, conectados a uma obra muito importante: a Fazenda da Esperança. Ela, junto suas irmãs de congregação, conduzem um grupo de apoio a jovens que querem se recuperar da dependência de drogas e de jovens já recuperados. Ricardo, nesta última condição, trouxe seu testemunho de vida, com muita coragem e coração aberto. A irmã Sonia ainda frisou o trabalho desenvolvido também envolve a família e que elas ajudam encaminhar muitos jovens para as fazendas.
Por fim, uma jovem animadora do Oratório Festivo do Colégio São José, de Natal, chamada Ana Beatriz, falou do seu trabalho e a Irmã Salesiana Fátima, com muito dinamismo encerrou o momento falando do projeto que ela ajuda a coordenar e participa ativamente que faz uma ronda à noite na cidade de Recife e Distribui sopa a moradores de rua e pessoas necessitadas. E deixou numa mensagem muito bonita a todos os presentes, afirmando que embora pareça um trabalho meramente assistencialista, o projeto resgata a auto-estima e a dignidade de muitos que são considerados invisíveis na sociedade, de se sentirem gente ao ter alguém que os chame e pelo nome e lhes dê um abraço. “Ele não estava procurando a sopa, ele estava procurando um abraço”, falou a irmã Fátima, sobre um dos meninos que recebeu um abraço de um estudante de direito que participa do projeto.

Após o almoço e suas já tradicionais filas intermináveis (afinal, mesmo com estrutura organizada, é impossível uma média de 1.000 pessoas almoçarem rápido e ao mesmo tempo), os jovens começaram a participar dos mini-fóruns, que é outro momento para refletir sobre direitos humanos, e também mais uma forma de conhecer pessoas de outras realidades.
Às 16 horas começa o Festival de Teatro, com as seguintes apresentações:

1. ARACAJU
GRUPO: Esperança jovem
TEMA: “O sentido da humildade na vida do jovem”

2. MACEIÓ
GRUPO: Oratório
TEMA: “Direito humanos já”

3. NATAL – S. JOSÉ
GRUPO: Lisossomos
TEMA: “Leilão de um alma”

4. PETROLINA – AUXILIADORA

GRUPO: Os levitas
TEMA: “Energia da vida”

5. PETROLINA – CEMAM
GRUPO: Vozes da seca
TEMA: “Direito é quem direito tem”

6. RECIFE – PARÓQUIA DOM BOSCO
GRUPO: Teatro Dom Bosco
TEMA: “Dona Política”

Jakeline Lira

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Está chegando o Festival da Juventude Salesiana


Nesta sexta-feira começa do 13º Festical da Juventude Salesiana, que este ano traz como tema "Jovens provmovendo os direitos Humanos. Já temos o estimativa de 900 jovens participantes, vindos de diversas localidades do nordeste.

Veja abaixo trecho da mensagem deste ano do Reitor-mor aos Jovens, que inspirou o tema do festival:

DA MENSAGEM DO REITOR-MOR AOS JOVENS

Quero indicar-vos um campo privilegiado para este empenho. Quero referir-me à educação e à defesa dos direitos humanos, em particular a defesa dos direitos dos menores. Hoje fala-se muito e, frequentemente, se proclamam os direitos humanos, mas também com frequência parece evidente que estes direitos não são respeitados, sobretudo quando se trata dos direitos dos mais desfavorecidos, dos pobres e indefesos. Vós mesmos sois testemunhas: na escola ou entre os companheiros, facilmente se abusa dos mais débeis; no mundo do trabalho são explorados sem escrúpulo os mais jovens; ainda mais penosa é a situação de muitos menores que ficam indefesos perante grupos sociais e políticos que apenas procuram os próprios interesses e vantagens económicas. O respeito e a defesa dos direitos humanos, e de modo especial dos direitos dos menores, é, antes de mais nada, uma responsabilidade pessoal de cada um de nós, começando no nosso contexto de vida quotidiana.

O Sistema educativo de Dom Bosco é um instrumento precioso para o reconhecimento e a promoção dos direitos humanos. Nele aprendemos a considerar cada jovem responsável e protagonista da sua vida e da própria educação. Tornamo-lo objeto de protecção, compreendendo suas especiais necessidades, e ajudamo-lo a tornar-se sujeito responsável e conhecedor dos seus direitos. É isto que significa ver os jovens com os olhos de Dom Bosco e amá-los com o seu coração. Significa acreditar no valor absoluto da sua pessoa, reconhecer em cada um deles a dignidade de filho/a de Deus; significa ter confiança na sua vontade de aprender, de estudar, de sair da pobreza, de tomar pela mão o próprio futuro.

Abri vossos olhos, queridos jovens! Vede quantos rapazes e moças, adolescentes e jovens no vosso bairro, na vossa cidade, na escola ou nas fábricas, procuram uma melhor qualidade de vida, lutando para ser aceites sem medo, para ter uma oportunidade de trabalho, para ter um lugar na escola. Olhai para eles com o coração de Dom Bosco e abri-lhes o vosso coração. Procurai colocar-vos do seu lado, promovendo alguma coisa a favor da sua educação ou oferecendo a vossa ajuda e a vossa defesa diante daqueles que pisam os seus direitos. Vós podeis fazer muito! Colaborai portanto com todas as vossas energias e possibilidades para que também eles possam tornar-se cidadãos ativos e responsáveis na sociedade.

Estar do lado destes jovens empenha-nos a ser construtores duma humanidade nova, onde o ponto de referência é uma verdadeira cultura dos direitos humanos. Somos chamados a ser capazes de dialogar, persuadir, em última instância, prevenir as violações dos mesmos direitos, antes que puni-las e reprimi-las. Devemos ser responsáveis com uma atitude ativa e crítica e, ao mesmo tempo, com uma ação solidária e em rede, superando medos, inibições, individualismos que nos fecham na pequenez dos nossos interesses e das nossas vantagens.

Pe. Pascual Chavez Villanueva, Reitor-Mor

terça-feira, 30 de setembro de 2008

XI Vigília Jovem – Natal/Gramoré

Último final de semana de setembro (27 – 28) concluído com algo especial em nossa paróquia. Celebramos mais uma Vigília Jovem, momento de graça, reflexão, animação e muita oração, em um evento que se destaca pelo "diferente" das outras organizadas durante o ano, esta mais uma vez preparada pela AJS local e vivenciada desde seu início até seu momento de conclusão.



Já eram 22h30min quando os jovens, não muitos adolescentes, começaram a chegar ao Centro Educacional Dom Bosco. Fomo-nos dirigindo ao pátio do CEDB – Centro Educacional Dom Bosco para nosso primeiro momento (Acolhida), recebida com muito carinho pela Banda MdD – Misericórdia de Deus, que animou e juntamente com os coordenadores conduziram as orações iniciais, fazendo-os refletir sobre tudo que eles iriam passar durante a madrugada. Ainda em clima de oração, todos foram conduzidos ao salão principal do CEDB onde estava toda ornamentada a luz de velas em volta do crucifixo de Jesus (Não poderia ser outro né?!). Demos partida para o segundo momento (Celebração Penitencial), lá junto com cantos de reflexão, textos foram lidos, palavras foram professadas, interpretações foram feitas... Tudo para que todos os jovens (Cerca de 250) pudessem refletir sobre o tema: "Um coração vigilante permanece no espírito". Apesar de muitas interrupções o momento foi belíssimo questionando várias vezes: O que o jovem precisa hoje em dia? Nesse clima de questionamentos e de paz, muitos se encaminharam para as confissões (Padres disponíveis) e outros foram fazer suas orações na igreja esperando pela missa. Quase meia noite, demos início ao terceiro momento (Celebração Eucarística), animado pela Banda FdJ – Filho de João, tivemos nosso ápice de encontro com Deus, que é a eucaristia. Celebrada por Pe. Diego (Que nos passou uma mensagem linda na homilia) e co-celebrada por Pe. Alfredo, a missa foi o marco, um sinal de que a madrugada iria ser maravilhosa.


Ao final da missa os sacerdotes foram conduzindo o sacrário em procissão até a capela ornamentada no Centro Pastoral da paróquia. Uns minutos de calma... Até que todos foram conduzidos ao salão do Centro Pastoral, e a calma voou. Eis que iniciava o quarto momento (Show Louvor). Meio tímidos os jovens foram se soltando e depois a alegria já tomava conta de todos. A Banda FdJ abriu o show com muito pop/rock agitando a galera, e logo em seguida veio a Banda MdD que com o tradicional axé encantou a todos, fazendo com que todos dançassem até suar. Intercalando entre as bandas o grupo de artes cênicas Trindade fez sua apresentação também, mas sua participação mais importante veio depois (Já já você sabe...). Com uma pausa pro descanso e um lanche maquiado, partimos para o quinto momento (Via Lucis). No pátio do Centro Pastoral, foram distribuídos pelo chão, várias bandeiras com os números das estações da Via Lucis. Os jovens foram caminhando, passando de estação em estação, enquanto Niely lia a passagem bíblica e o grupo Trindade fazia uma belíssima encenação sobre a passagem lida (Essa participação que estava falando, muito show). Nessa caminhada saímos do Centro, caminhamos pela rua lateral, entramos na paróquia, e depois de todas as estações chegamos à igreja (Voltamos a ela) para encerramos a Vigília com o sexto e último momento (Adoração ao Santíssimo). Conduzido por Pe. Pereira e o casal (Salvadores da noite – diga-se de passagem) Yan e Tessia, fizeram o momento se tornar brilhante, fez com o que os jovens saíssem com um fervor diferente no coração. As 06h da matina recebemos a benção e pudemos ir pra casa, contentes pelo amor brotado em cada um e por tudo que vimos nesta madrugada.


O evento teve uma programação de "primeiro mundo", estão de parabéns todos que se empenharam para fazer valer a pena e acontecer tudo nesta Vigília. Apesar da intensa participação ate o final do evento, o evento poderia ter sido perfeito, se eles mesmos que estavam participando (Os infanto-juvenis) levassem mais a sério os momentos de reflexão. Quando no primeiro momento foi-se questionado o que o jovem precisa hoje em dia, eu responderia, fazendo uma avaliação geral, que precisa de mais responsabilidade. De mais maturidade. De saber a diferença entre ficar quieto/escutar e pular/divertir, do bem e do mal, da salvação e da condenação. Pois isso que falo não é pesado, isso é realidade.
Veja as fotos

Ranieri - Natal/Gramoré - RN

Grupo "jovens solidários" com pessoas idosas


Os alunos do "Grupo Estudantes Solidários", do Colégio Salesiano Recife, promoveram, na tarde do dia 25 de setembro, mais uma ação solidária. Visitaram o Abrigo Pe. Venâncio, na Várzea. Tivemos a alegria de acompanhar e vivenciar com os nossos jovens uma experiência profundamente educativa e humanizadora. São 74 senhoras idosas que residem naquele abrigo. Dos 28 alunos (as) do Ensino Médio que participam do grupo, 19 fizeram-se presentes na visita. Éramos 4 educadores. A programação, que durou das 14:30 às 17h, foi desenvolvida com um momento de acolhida e animação, oração e "Bênção dos Idosos", oficinas de pintura e modelagem, atitude de escuta e pela presença junto aos leitos daquelas que estão enfermas. Um lanche gostoso também foi partilhado. Os olhos dos jovens brilhavam de alegria e ternura.
Por sua vez, as idosas expressavam carinho e gratidão. No ônibus, durante o retorno para o colégio, os alunos e alunas comentavam sobre a satisfação e importância de servir, indo ao encontro dos outros, especialmente dos que sofrem. Deus seja louvado e abençoe esta sublime e concreta experiência de grupo que está sendo feita em nossa comunidade educativa.

Pe. Raimundo Felipe

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

CONGREGAÇÕES E JUVENTUDE

O Encontro Nacional de Congregações que trabalham com Juventude, organizado pelo Setor Juventude da CNBB, aconteceu de 11 a 14 de setembro na casa de retiros São José, em Belo Horizonte.

Participaram 61 pessoas, sendo, na grande maioria, religiosos e religiosas pertencentes a 26 Congregações, diretamente ligados aos trabalhos com os jovens, em 15 Estados do nosso país. Além de representantes de alguns Centros de Juventude e alguns leigos engajados nesta missão da Igreja no Brasil.

O tema central do encontro foi: “Vida e missão da Vida Religiosa no chão das Juventudes”, com o objetivo de “gerar um processo dinâmico de comunhão e participação que favoreçam o intercâmbio entre as experiências que se realizam pelas Congregações” (Cf. Doc. 85, n. 189).

O primeiro dia foi de acolhida, entrosamento e animação, motivados pelo Pe. Gisley, assessor do Setor Juventude, e Frei Rubens, assessor nacional da CRB. Á noite, Carmem Lúcia da CAJU (Casa da Juventude de Goiânia) fez memória da caminhada desses 13 anos de encontros. Entre outras provocações ela nos disse: “No caminho identificamos o processo!”

No segundo dia, pela manhã, depois da oração do Ofício Divino da Juventude, Pe. Nelito nos ajudou a refletir sobre as novas Diretrizes Gerais da Igreja no Brasil (2008-2010). Divididos em seis grupo, partilhamos os anseios e as alegrias da Igreja para com a Juventude, em vista de “experimentar a alegria de ser discípula missionária, para que nossos povos tenham Vida” (DGAE n.1). À tarde, foram apresentadas duas propostas: a proposta do CELAM para a recepção do Documento de Aparecida e o Curso pós-graduação a distância em adolescência e juventude.

A oração, realizada ao ar livre com o Ofício Divino da Juventude, abriu o terceiro dia. Depois de uma memória histórica feita pela Carmem Lúcia, para observar os movimentos acontecidos ao longo da caminhada e para identificar melhor os sonhos futuros, divididos em sete grupos, os participantes tiveram a oportunidade de partilhar os projetos pastorais, junto à juventude e seus assessores. À tarde, foram apresentados elementos importantes, escolhidos nos grupos, para os cinco projetos propostos pelo Setor Juventude: Políticas públicas, mística e espiritualidade, Projeto de vida, Grupo e comunidade, Assessoria e acompanhamento.

No último dia, após a oração, Frei Rubens fez algumas colocações sobre a prioridade “juventudes” da CRB nacional. Ele disse: “Constata-se que a vida religiosa está longe da juventude e por esse motivo o foco desta prioridade são os jovens que estão fora da realidade eclesial”. Toda assembléia refletiu e contribuiu sobre esta prioridade, fazendo uma ligação com o projeto “Novas Gerações”. Também foi analisado o relacionamento das Congregações dentro do Setor Juventude, lançando propostas para o próximo encontro nacional. O compromisso geral dos participantes poderia ser resumido nestas frases: “Não tenho dúvida que somos apaixonados pela juventude” – “É um direito dos jovens ser acompanhados e um dever dos adultos acompanhá-los” – “O planejamento é muito mais que escrever um documento: é uma postura de vida”.

 

P. Luiz De Liberali

sábado, 20 de setembro de 2008

AVALIAÇÃO 2008 - AJS


O Ano nem acabou ainda e a Pastoral da Juventude da Paróquia Dom Bosco (AJS), já fez a sua avaliação como as demais Pastorais irão fazer também. Foi no sábado dia 13 de setembro no Centro Educacional Dom Bosco (CEDB). A avaliação convidava todas as Coordenações dos Grupos da AJS e boa parte delas compareceu tornando o encontro foi muito proveitoso.
Faltando pouco mais de três meses para o ano acabar, ainda temos compromisso com o nosso calendário e essa avaliação não poderia passar do mês de setembro, segundo o Conselho Pastoral Paroquial (CPP).
Seguindo um roteiro da Arquidiocese de Natal, a avaliação se iniciou às 18h20 com uma oração inicial e apresentação do roteiro. Logo em seguida quatro grupos foram formados para trabalharem os seguintes temas: Formação; Protagonizmo; Acompanhamento e Atividade Pastoral. Os quatro grupos apresentaram perfeitamente bem esses temas, muitas idéias foram partilhadas acompanhada de muitas críticas, porém, construtivas para melhorar o desempenho da AJS - Gramoré. Mais tarde, após um pequeno debate, foram discutidos pontos fortes e pontos fracos que nos próximos anos a AJS pretende melhorar ainda mais e eliminar aquilo que de ruim existiu em 2008.
Fechando a Avaliação, a Coordenação Geral deixou um dever de casa para os Grupos: Fazer um Encontro com o tema “Visão de Futuro” e entregar um relatório para a Coordenação Geral da AJS, onde eles iram fazer um resumo de tudo e entregar para o (CPP) no final de setembro.


Maratá - Natal-Gramoré/RN

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Entrevista com Niely, Coordenadora do Grupo Trindade Artes Cênicas (TAC)

Sabemos que a caminhada da AJS do Brasil está completando seus 10 anos. Para comemorar esse marco na história da Articulação, foi realizado o III Encontro Nacional da AJS em Cachoeira do Campo - MG. Como foi ser escolhida para representar a juventude de Gramoré, essa que tem tal prestígio dentro da inspetoria?
Niely: Foi uma responsabilidade grande, me senti muito lisonjeada, foi um momento de muita responsabilidade representar algo que tenho tamanho amor que é a AJS.

A maioria dos encontros esse ano, que tem como público alvo a juventude, trazem reflexões baseadas na vida de um grande homem, D.Hélder Câmara. O lema do encontro nacional foi: “Temos mil razões para viver!” Para você, o que é ter mil razões para viver?
Niely:Para nos falar sobre essa temática, tivemos a fala do bispo responsável pela juventude, D. Eduardo, que explanou muito bem essa questão. Para mim, antes de tudo, é estar vivo para que com o nosso testemunho de vida, possamos ir ao encontro do outro e falar-lhe da maravilha que é viver.

Com a experiência do Encontro Nacional da AJS, o que você como jovem, pode dizer a todos nós?
Niely:
Que independente das dificuldades de vossas vidas, ainda vale a pena viver. Lutem incansavelmente pelos seus ideais, pois só assim estará dando sentido a vida e tendo mil razões para viver.

O que mais lhe chamou a atenção no encontro?

Niely: Com certeza foi o entrosamento entre os diversos grupos (inspetorias, regiões), apesar do pouco tempo juntos, conseguimos criar bons laços de amizades. Era justamente nesse momento, que voltava o olhar para a nossa realidade local, acho que para serem jovens pertencentes à AJS, precisamos aumentar uma coisa que um dia já foi chamado de “pegajosidade salesiana”.

Quais seriam suas palavras finais?

Niely: De agradecimento a todos os coordenadores dos grupos da AJS de Gramoré, a coordenação geral, e ao meu pároco, o Pe. Alfredo, que incentivou e colaborou bastante para que eu pudesse ir.

Entrevista (Marcelo) - Foto (Geandson) 

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

CRISTH DANCE

A AJS de gramoré realizou no último dia 07 de setembro, mais uma CRISTH-DANCE que teve como espaço, o centro pastoral Dom Bosco de Gramoré.
Percebemos que tantos jovens, acabam se perdendo devido a lugares que freqüentam. E um deles é a discoteca, onde a música, as drogas, a prostituição, os levam a uma desestruturação humana. Pensando neles, nasceu o grande desafio, o chamado "CRIST-DANCE", que oferece aos jovens um espaço de diversão, mas ao mesmo tempo uma oportunidade de encontrar a Deus, o único que pode nos dar vida em abundância.
Uma noite de muita oração que se expressa através da música e da dança. Uma oportunidade de expressar-se a Deus em oração por meio dos ritmos mais animados da música católica. Começamos com a Santa Missa da comunidade ás 19h15minhs, e logo depois, os diversos ritmos começaram a embalar a juventude: Dance, swingueira, enfim... Tudo que uma balada cristã pode oferecer de bom. E o mais importante: tudo vivido na presença do Senhor!Para Janieri, da Pastoral da Catequese, o CRISTH-DANCE é uma das formas que a paróquia encontra, através da Pastoral da Juventude, para a evangelização e o resgate de diversos jovens, já que o público do CRISTH-DANCE reúne entre outros: protestantes, jovens católicos praticantes e não praticantes jovens que já foram dos grupos da AJS, entre outros. Que venha mais e mais CRISTH-DANCE's, para que assim, possamos atingir o nosso maior objetivo, A EVANGELIZAÇÃO DA JUVENTUDE!


Marcelo - Gramoré/RN

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Sobre o Encontro Nacional d AJS

ENCONTRO NACIONAL AJS
Cachoeira do Campo – 05 a 07 de setembro de 2008
“Temos mil razões para viver” (Dom Hélder Câmara)

04 de setembro
Como jovens e assessores da AJS, participantes do 3º Encontro Nacional, das inspetorias SDB e FMA do nordeste, nos encontramos no aeroporto de Recife, para embarcar às 15:50 rumo a Belo Horizonte, com escala em Brasília. Para muitos foi a primeira experiência de vôo, mas, apesar do medo e da preocupação pessoal, foi uma ótima viagem.
No aeroporto de Belo Horizonte, um ônibus nos esperava para conduzir-nos até a Cachoeira do Campo, onde fomos muito bem acolhidos e alojados.

05 de setembro

Começamos o dia com a missa, às 07:00h, e, logo após, o café da manhã. Depois de desjejuarmos nos esperava uma surpresa: a visita à cidade de Ouro Preto. Pudemos conhecer algumas igrejas e monumentos e históricos deste belíssimo lugar e fazer compras pessoais para familiares e amigos. À tarde, após o almoço, tivemos um momento de integração entre nossa delegação, formada por 33 participantes.
Depois da chegada do grupo de Manaus, aconteceu a abertura oficial, com um momento de animação e de oração. Nos foram dirigidas palavras de acolhida por parte do Inspetor de Belo Horizonte, Pe. Nilson, e do Regional do Cone-Sul, Pe. Natale, e foi lida uma mensagem da Inspetora de Belo Horizonte, que está participando do Capítulo Geral das FMA.
Em seguida fomos montar a nossa tenda, que ficou belíssima.
Tivemos um tempo para visitar as tendas de outras inspetorias, conhecendo um pouco da sua caminhada, especialmente o percurso da AJS ao longo desses 10 anos e o trabalho dos grupos em cada região.
Após as visitas, houve um momento de partilha, onde cada inspetoria se reuniu e expôs as informações que adquiriram nas visitas às tendas. O que ficou claro para nós das duas inspetorias do nordeste do Brasil, é que a AJS têm como principal objetivo estimular os jovens a intervirem na vida religiosa e social, baseando-se na doutrina cristã e na espiritualidade juvenil salesiana. Outro objetivo é transmitir e expandir sua vivência para outros jovens, mostrando a eles a beleza da vida no evangelizar, no amor ao próximo e na comunhão com Deus, convidando-os a participar, também, dessa articulação, e fortalecendo sua ação em meio aos jovens. À noite, depois do jantar, houve a celebração da palavra, onde todas as inspetorias compartilharam suas experiencias, levando um símbolo como representação das mesmas.


Escrito por: Taíse Negreiros (Natal)

OBS: segundo a programação, todos participaram no domingo, dia 07, do Grito dos Excluídos em Belo Horizonte

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Começa amanhã o III Encontro Nacional da AJS

Educar com o coração de Dom Bosco” é promover a vida da juventude e junto com os nossos jovens perceber nas suas diversas manifestações a expressão do amor de Deus e sua paixão pela vida.

Neste ano a AJS (Articulação da Juventude Salesiana) do Brasil comemora 10 anos de caminhada e para celebrarmos este momento tão importante para nossos jovens e para nós, Salesianos de Dom Bosco e Filhas de Maria Auxiliadora, que realizaremos o III Encontro Nacional da AJS.

O encontro acontecerá nos dias 05 a 07 de setembro no Centro Dom Bosco em Cachoeira do Campo, Minas Gerais, com o tema “AJS 10 anos – paixão pela vida!” e o lema: “Temos mil razões para viver”. Estamos prevendo para este encontro a participação de 400 jovens.

Neste encontro faremos memória da caminhada da AJS, realizaremos vários mini-fórum abordando o tema vida e encerraremos nosso encontro participando do Grito dos Excluídos em Belo Horizonte

Equipe Nacional

Tema: AJS 10 anos - paixão pela vida
Lema:Temos mil razões para viver
Data: 5, 6 e 7 de setembro de 2008. O encontro começará no dia 05 de setembro, com o almoço, e terminará no dia 7 após o almoço.
Local: Centro Dom Bosco, Rodovia dos Inconfidentes, 218 – Cachoeira do Campo, MG.

Daqui do Nordeste, serão ao todo 16 participantes pela inspetoria salesiana SDB e 17 da inspetoria FMA, coordenados por Pe. Luiz De Liberali e Ir. Beth, respectivamente.

Veja a postagem do nosso blog onde você pode fazer o download do Nordeste Jovem, na revista em uma matéria do Pe. Antônio Gomes contando um pouco sobre a caminhada da AJS:
http://ajsnordeste.blogspot.com/2008/06/nordeste-jovem.html

domingo, 31 de agosto de 2008

ORATÓRIO FESTIVO

No segundo semestre de 2008 a AJS de Gramoré assumiu o Oratório Festivo aos domingos. Mas só agora os membros dos Grupos receberam a primeira formação de Caridade Pastoral e Oratória Festivo. Organizado pelo o seminarista Elder com a participação de Pe. Pereira. Foi na Vivenda Dom Bosco casa de Praia em Cotovelo, município de Parnamirim/RN nos dias 22 e 23 de agosto.
Na sexta-feira, 17 Animadores chegaram por volta das 21h30min logo eles foram se acomodado e em seguida deram inicio a Formação assistindo o filme de Dom Bosco para entender melhor como foi fundada essa grande congregação Salesiana.
No sábado após o café e a oração da manhã, Pe. Pereira faz uma troca de idéias fala um pouco sobre a Caridade Pastoral e nos mostra uns slayds de Dom Bosco. Logo foi dividido sob-grupos para partilhas, feito isso os sub-grupos apresentaram e mostraram o que tinham entendidos. Pe. Pereira fez o fechamento do tema explicando mais a caridade que Dom Bosco tinha pelos os seus Jovens. Intervalo e lanche para todos.
Na segunda parte da Formação o seminarista Elder explora o próximo assunto que foi: Estudando o Oratório. Nova divisão de grupos e reflexão individual sobre Oratório Festivo. Os mesmos grupos fizeram uma apresentação com cartazes terminando a formação teórica desse projeto (Oratório Festivo).
Depois do almoço restava aproveitar bem a tarde de lazer que a Vivenda Dom Bosco nos oferecia com: piscina, quadra de vôlei e a belíssima praia de Cotovelo.
A noite, em quanto o transporte não chegava, fizemos um avaliação rápida de toda a Formação no velho e bom método salesiano que bom, que pena e que tal.
Foi um final de semana muito importante para os representantes dos Grupos da AJS, motivado a inda mais o interesse de dar continuidade o trabalho do nosso pai e mestre Dom Bosco.


Maratá - Natal-Gramoré/RN

quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Padre João Carlos completa 25 anos de sacerdócio

Nesta quinta-feira, dia 28, o Padre João Carlos Ribeiro Rodrigues, salesiano, comemorará seus 25 anos de sacerdote. A data será celebrada no Santuário Sagrado Coração, no Colégio Salesiano Recife, às 15 horas.

Para o evento, estima-se a participação de 1.000 pessoas, entre fiéis e religiosos, não só de Pernambuco, mas como de diversos estados.

Além dos salesianos do Nordeste, padres das dioceses de Olinda e Recife, Nazaré da Mata e Caruaru já confirmaram presença. Irmãs salesianas e membros de outras congregações também participarão da celebração
.

Padre João Carlos é atualmente o superior provincial da congregação salesiana no nordeste. Cantor e autor de várias músicas, já fez mais de 1.500 shows com sua carreta-palco e já
tem 7 CDs gravados e 2 DVDs. Também é conhecido pelos seus programas de rádio e TV.

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

ENCONTRO DO POVO DE DEUS


Domingo passado 17 de Agosto, realizou-se o II Encontro do povo de Deus no ginásio Dom Bosco. Esse Encontro Reuni as 5 paróquias que Forman XI Zonal da Arquidiocese de Natal, Dom Bosco, Santo Antonio de Pádua, Santana , Nossa Senhora de Fátima, São Miguel e Santa Luzia .O Encontro começou às 8h com a acolhida de São Miguel. A oração inicial ficou por conta de Santana, Pe. Alfredo deu a Palavra de abertura em seguida o Diac. Adilson explorou a tema de abertura frisando bem o ano da Juventude.No decorre da programação foi realizado o Festival de Musicas na seguinte seqüência: Grupo Grãos de Mostarda Santo Antonio de Pádua (Parque dos Coqueiros) com a música Nova Missão, Karina Taynan e Banda de Nossa Senhora de Fátima (Parque das Dunas) com a música Missão de Amor, Ministério São Gabriel de Santa Luzia (Nova Natal) com a música Juventude Evangelizando, Isaias 12 do Dom Bosco (Gramoré) com a música A Videira e Pastoral e Canto de Santana (Solidade) com a música Vamos ser Missionário. Todas as paróquias vieram muito espiradas e capricharam nas letras das musicas. E quem irá representa o nosso Zonal no Festival em Uruaçu será a Paróquia de Santana a primeiríssima do Festival. A paróquia Dom Bosco ficou em 2º lugar na classificação.Depois do Festival de Musicas todos saiu em procissão até a igreja Matriz de Dom Bosco, onde foi realizada uma bonita Celebração Eucarística. A igreja ficou repleta de fieis.O Encontro do Povo de Deus veio no seu II ano mostrando a união presente das paróquias do XI Zonal, umas das mais organizadas de Natal.

Maratá - Natal-Gramoré/RN

terça-feira, 19 de agosto de 2008

XIV VIGÍLIA JOVEM DO RECIFE

Na noite do dia 9 de agosto, na quadra do Colégio Salesiano, 350 jovens do Recife e cidades vizinhas participaram da Vigília Jovem organizada pela AJS. Com o tema: “Um coração vigilante permanece no Espírito” e inspirados pela palavra bíblica: “Recebereis a força do Espírito Santo, que virá sobre vós, e sereis minhas testemunhas” (At 1,8), os jovens passaram a noite em oração, escuta da Palavra de Deus, reflexão, adoração e celebração.

Desde os primeiros momentos, animados pelo som da Banda Nova Aliança, do Sagrado Coração, e guiados pelas reflexões do grupo Luz Divina, do Vasco da Gama, os participantes entraram num clima de vigília e de oração.

Em seguida, o Pe. Benevides aprofundou o tema sobre o Espírito Santo e dois jovens deram seu testemunho (Roberta, da comunidade Shalom, falou da Jornada Mundial da Juventude, e Lucas Samuel, da paróquia de Jaboatão, sobre sua vivência cristã). Pe. Fábio, juntamente ao grupo do Bongi, animou o momento de adoração, enquanto vários Padres atendiam ás confissões.

Depois do intervalo, os jovens de Jaboatão coordenaram a oração do terço missionário e vários assessores assumiram os mini-fóruns, durante os quais os jovens refletiram sobre ação do Espírito Santo em cada momento da vida cristã. No final, já de madrugada, houve a celebração eucarística, animada pelo coral e banda de Caetés, que encerrou esta bela experiência que viu muitos ‘corações jovens’ permanecerem vigiando a noite inteira.

Ver fotos na galeria da AJS de Jaboatão:
http://picasaweb.google.com.br/alissonmecanico/VIGILIAJOVEM2008#

segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Curso de Assessores 2008 - 7 etapa

Nos dias 2 e 3 de agosto, aconteceu a 7º etapa do curso de Assessores de Pastoral Juvenil Salesiana. Participaram 17 jovens animadores nas comunidades de Recife, Jaboatão, Carpina, Caetés e Lajedo. O assunto deste encontro foi o Projeto Educativo Pastoral Salesiano – PEPS. Para concluir as temáticas, Pe. Fábio apresentou aos assessores a figura de Maria, como modelo de discípula e missionária de Jesus. O próximo encontro (dia 8 e 9 de novembro) será de “saudade” e encerramento do curso, com apresentação, por parte dos assessores, de seus trabalhos.
A avaliação foi bastante positiva, por parte de todos. Eis alguns depoimentos.

“Este curso trouxe para mim uma experiência muito marcante, tanto em conhecimentos como em espiritualidade. Me senti chamada a servir minha comunidade, a animar a acolher os jovens, apesar das dificuldades”.

“O curso foi uma oportunidade de aprofundamento na Espiritualidade Juvenil salesiana de forma ampla e prática”.

“O curso de formação deixa-nos enriquecidos de uma bagagem que muito nos ajudará na nossa vida espiritual e social, pois começamos, aprendendo, a criar nosso próprio projeto de vida”

“O curso despertou em mim uma vontade de entrega total ao projeto de Deus”.

“Foi oportuno porque favoreceu uma abertura sobre a realidade juvenil e os seus desafios. Todos os módulos apontaram sobre as situações concretas dos grupos, dos assessores, despertando assim o interesse de aprofundar o conhecimento acerca da Pastoral Juvenil (Igreja, CNBB, PJS...) na busca de apropriarmo-nos desses conteúdos, aperfeiçoando a nossa prática”.

Pe. Luiz De Liberali

quinta-feira, 7 de agosto de 2008

ENCONTRÃO JOVEM EM LAJEDO - PE

No domingo, dia 27 de julho, aconteceu o encontro dos grupos de jovens da AJS a região de Lajedo, com o tema: “No coração está o segredo de educar”, enfatizando assim a “arte de amar” de Dom Bosco. Depois de um momento de acolhida e oração, o grupo de adolescente da Imaculada apresentou o encontro de Dom Bosco com o primeiro oratoriano. Em seguida o jovem salesiano Marivaldo explanou o tema, dentro da estréia do Reitor-Mor. Divididos em 4 grupos, os jovens aprofundaram a relação coração-educação, apresentando, no final do dia, suas reflexões. A celebração eucarística encerrou este dia.
Eis o que um grupo escreveu: “Acreditamos que com uma boa formação, tendo sempre esperança e levando nosso testemunho ao próximo, transformaremos esse ‘caos’ em dons. Um desses dons nos move a todo instante e no encoraja a continuar nossa caminhada, seguindo sempre em frente e superando os obstáculos que aparecem no nosso caminho. Esse dom também nos leva a educar os jovens como Dom Bosco fazia, com toda bondade no coração, tornando-se amigo deles”.
Escrito por: Pe. Luiz De Liberali

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Comunidades Fazem suas festas Juninas


Foi ao ritmo de muito forró e de muita alegria, que nos dias 19 e 20 de julho duas comunidades de nossa Paróquia, celebraram suas respectivas festas juninas, ou melhor, dizendo, Julino. Na comunidade de São Felipe em Gramoré, que celebrou seu 5º ano de Arraia, a animação ficou por conta da Pastoral da Juventude (AJS) com os grupos de jovens; JC, JS e RJ. Dentro da programação, podemos contar com a presença de algumas quadrilhas, como: Arraialdo (E. E. Aldo Fernandes), caboclinhos e a São Felipe da própria comunidade, formada por componentes dos grupos de jovens. Tivemos ainda o desfile da rainha do milho de cada pastoral e o sorteio de um balaio. Nas barracas, podíamos encontrar churrascos, comidas típicas e uma pescaria. Barracas essas que foram organizadas pelo CPC, que importância desse evento para a comunidade, disse que é de extrema necessidade, pois é uma forma de integração das pastorais e movimentos com a comunidade em geral. Disse ainda, que todo dinheiro arrecado, será usado na melhoria da capela. Há exemplo da capela de São Felipe, a comunidade de Pajuçara II, que tem como padroeiro São Domingos Sávio, também fez bonito em sua Festa Junina. Este ano celebrando seu 8º ano, contou com a participação de quadrilhas e grupos e dança. Segundo João Batista, coordenador do CPC da comunidade, o Arraia, é uma das formas que a comunidade São Domingos encontra para demonstrar para as pessoas, que um novo mundo é possível e, ainda, a importância da Pastoral da Juventude (AJS) em serem protagonistas de um evento como esse.Peçamos a interseção de todos os Santos Juninos sobre nossa comunidade Paroquial, em especial sobre nossa juventude, que está mostrando que é possível nos dias de hoje, ser um jovem discípulo e missionário.

Marcelo - Gramoré/RN

terça-feira, 22 de julho de 2008

VIGÍLIA JOVEM DO RECIFE ACONTECE DIA 09 DE AGOSTO


Com o tema "Um coração vigilante permanece no Espírito",
estará ocorrendo no dia 09 de agosto de 2008,

na quadra do Colégio Salesiano – Recife,
a XIV Vigília Jovem.

O evento começará às 21h do sábado. Durante a Vigília, viveremos momentos de espiritualidade salesiana através de música e canto religioso, dramatizações, oração e atividades em grupo. Encerraremos com a celebração eucarística.

TEMA: Um coração vigilante permanece no Espírito
PALAVRA BÍBLICA: “Recebereis a força do Espírito Santo, que virá sobre vós, e sereis minhas testemunhas” (At 1,8)- a mesma da Jornada Mundial da Juventude

INFORMAÇÕES: AJS (Articulação da Juventude Salesiana) – Inspetoria Salesiana do Nordeste do Brasil
Telefone: (81) 2102.0800
Celular: (81) 9971.5881

quinta-feira, 17 de julho de 2008

CURSO DE FORMAÇÃO PARA ASSESSORES DA AJS


Foi entre os dia 5 e 6 de julho que tivemos o encontro de formação para assessores da AJS (Articulação da Jueventude Salesiana).No dia 5 tivemos como tema " O SETOR DA JUVENTUDE NA ARQUIDIOCESE" e os formadores foram Moises e kely ambos da PJ (Pastoral da Juventude) da Arquidiocese de Olinda e Recife, ele falaram um pouco sobre a importância do setor da juventude nunha arquidiocese.No dia 6 refletimos um pouco sobre um novo subsidio que trabalha mais na aréa social da juventude.O nosso próximo encontro vai ser entre os dias 2 e 3 de agosto em Aldeia - Camaragibe - PE.

quarta-feira, 16 de julho de 2008

FORMAÇÃO PARA COORDENADORES




Com o tema liderança jovem, a manhã de Formação para Animadores de Grupos da AJS aconteceu no dia 21 de junho, no Centro Educacional Dom Bosco com o objetivo de desenvolver a Liderança dentro dos grupos. A manhã de Formação contou com a participação dos coordenadores dos grupos JUC, SA, EMANUEL, TRINDADE, JAC, RJ, também contou com a palavra do Pe. José Pereira, que relatou a importância desse encontro e da necessidade que temos como grupo de nos conhecermos, “a gente só ama o que a gente conhece” afirma o Pe. José. O tema Liderança foi abordado durante todo o encontro, conduzido por Mário, palestrante da manhã de Formação da Pastoral da Juventude de Areia Branca, que iniciou falando do histórico da AJS, da sua idealização, da importância dos princípios norteadores da AJS, e ainda tópicos como liderança, qualidade de um líder e os tipos de liderança, como ser um líder eficiente e o CDL foram abordados durante toda a manhã bem como a importância de termos organização em todos os aspectos. Uma manhã bastante produtiva, com cânticos, dinâmica, reflexão, partilha e acima de tudo de muito aprendizado. Espera-se que com base no que foi passado, os Animadores dos Grupos que estavam presentes possam transmitir os ensinamentos e disseminar toda motivação proposta na formação para os membros dos grupos e para a Igreja.
Pollyana - Gramoré - Natal/RN (Suporte Site AJS)

terça-feira, 8 de julho de 2008

Jornada Mundial da Juventude

Recordo sempre com grande alegria os vários momentos transcorridos juntos em Colónia, em Agosto de 2005. No final daquela inesquecível manifestação de fé e de entusiasmo, marquei encontro convosco para a próxima reunião que terá lugar em Sydney em julho de 2008. Será a XXIII Jornada Mundial da Juventude e terá como tema: “O Espírito Santo descerá sobre vocês, e dele receberão força para serem as minhas testemunhas” (Atos 1,8). O fio condutor da preparação espiritual para o encontro de Sydney é o Espírito Santo e a missão. (...)

Interrogações
Muitos jovens refletem sobre a sua vida com apreensão e formulam muitas interrogações acerca do seu futuro.
Preocupados, eles perguntam-se: como inserir-se num mundo assinalado por numerosas e graves injustiças e sofrimentos? Como reagir ao egoísmo e à violência, que por vezes parecem prevalecer? Como dar pleno sentido à vida? Como contribuir para que os frutos do Espírito ("caridade, alegria, paz, paciência, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão e temperança") inundem este mundo ferido e frágil, antes de tudo o mundo dos jovens? Com que condições o Espírito vivificador da primeira criação, e, sobretudo, da segunda criação ou redenção, pode tornar-se a nova alma da humanidade?
Não esqueçamos que quanto maior é o dom de Deus e o do Espírito de Jesus é o máximo tanto maior é a necessidade que o mundo tem de o receber e, portanto, tanto maior e mais apaixonante é a missão da Igreja de dar testemunho crível do mesmo.

Resposta em Cristo
Caros amigos, a este propósito quero lembrar a vocês algumas verdades de referência sobre as quais meditar. Mais uma vez, repetir a vocês que somente Cristo pode satisfazer as aspirações mais íntimas do coração do homem; só Ele é capaz de humanizar a humanidade e conduzi-la à sua "divinização". Com o poder do seu Espírito, Ele infunde em nós a caridade divina, que nos torna capazes de amar o próximo e de nos pormos com disponibilidade ao seu serviço.
Revelando Cristo crucificado e ressuscitado, o Espírito Santo ilumina, indica-nos a vida para nos tornarmos mais semelhantes a Ele, ou seja, para sermos "expressão e instrumento do amor que dele dimana" (Encíclica
Deus caritas est, 33). E quem se deixa guiar pelo Espírito, compreende que pôr-se ao serviço do Evangelho não é uma opção facultativa, porque sente como é urgente transmitir esta Boa Nova também aos outros. Todavia, é necessário voltar a recordá-lo, só podemos ser testemunhas de Cristo se nos deixarmos guiar pelo Espírito Santo, que é "o agente principal da evangelização" (cf. Evangelii nuntiandi, 75) e "o protagonista da missão" (cf. Redemptoris missio, 21).

Necessidade da missão
Queridos jovens, como reiteraram várias vezes os meus venerados Predecessores Paulo VI e João Paulo II, anunciar o Evangelho e dar testemunho da fé é hoje mais necessário do que nunca (cf.
Redemptoris missio, 1). Alguns pensam que apresentar o tesouro precioso da fé às pessoas que não a compartilham significa ser intolerante para com elas, mas não é assim, porque propor Cristo não significa impô-lo. Há dois mil anos doze Apóstolos deram a vida para que Cristo fosse conhecido e amado. A partir de então, o Evangelho continua a difundir-se ao longo dos séculos, graças a homens e mulheres animados pelo seu próprio zelo missionário. Portanto, também hoje são necessários discípulos de Cristo que não poupem tempo nem energias para servir o Evangelho. São precisos jovens que deixem arder dentro de si o amor a Deus e respondam generosamente ao seu apelo urgente, como fizeram muitos jovens Beatos e Santos do passado e inclusive de épocas mais próximas a nós. Em particular, asseguro-vos que o Espírito de Jesus, hoje, convida vocês, jovens, a serdes portadores da Boa Nova de Jesus aos vossos companheiros. (...)
Estejam prontos a pôr em jogo a sua vida, para iluminar o mundo com a verdade de Cristo; para responder com amor ao ódio e ao desprezo pela vida; e para proclamar em todos os cantos da terra a esperança de Cristo ressuscitado.
(Trechos da Mensagem de Bento XVI para a XXIII Jornada Mundial da Juventude, N. 7)
ver mais informações: http://www.jmjbrasil.com.br/

terça-feira, 1 de julho de 2008

Jovens organizam primeiro São João Fest em Jaboatão

Foi com muita alegria e animação que cerca de 600 pessoas incluindo crianças, jovens, adultos e idosos da paróquia Santo Amaro, em Jaboatão-PE, puderam participar do 1º São João Fest que foi realizado no dia 22 de junho no Oratório Dom Bosco.
O evento contou com a banda Lala Show, quadrilha junina, apresentação teatral, muito pé de serra e forró, comidas típicas e o principal: bastante harmonia e interação entre grupos existentes na nossa paróquia.
E agradecemos aos padres salesianos James, Sérgio e Geraldo; ao conselheiro tutelar Sergio e a toda paróquia que nos apoiaram para que esse grande evento pudesse ser realizado em nossa paróquia.

Enviado por: Alisson Verçosa

CENTRO PASTORAL DOM BOSCO


O Central Pastoral Dom Bosco era um sonho de todos os paroquianos e que a partir de agora devido a algumas iniciativas, passa a tomar “Cor e forma”, tornando-se realidade. É uma grande obra, que nasce da necessidade que a Paróquia tinha para encontros, palestras, formações e outros. Em relato, o Pároco Alfredo Boldori, disse que foram iniciativas, como: A doação do Terreno feita pela Prefeitura do Natal e a colaboração financeira de uma generosa Família Italiana, que foram de extrema importância para que o projeto, que tinha a frente o arquiteto Paulo Eudes, desse certo. Ainda em relação ao projeto, Pe. Alfredo explicou que no desenho inicial, que foi feito 2 ou 3 vezes, contava-se com a construção de uma igreja (Matriz Paroquial) dentro do terreno, que logo depois foi descartada. Além de contar com uma série de salas, o centro ainda possui uma cozinha acoplada ao refeitório, 1 salão, 1 auditório, 1 secretaria, 7 banheiros, 1 diretoria, 1 elevador de acesso a pessoas com deficiência e uma capela.


Que esse Centro pastoral venha ser aquele “Pátio Sonhado por Dom Bosco”. Um “Pátio” que é o lugar encontros, onde seja oferecido o conviver, o aprender, e o crescer e que seja também, o espaço do acolhimento, da partilha, do encontro, da solidariedade e da Festa. Será mais uma obra que colocamos sobre a proteção maternal de nossa Senhora. Ela que tudo fez e faz por todos nós.

Marcelo - Gramoré/RN

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Nordeste Jovem

Em pouco tempo, a nova edição do Nordeste Jovem* está espalhada pelas casas salesianas. Enquanto isso, é possível vê-la aqui pela internet.

Nesta, temos Artigo sobre Direitos Humanos (que pode ser usado para reflexão nos grupos, visto que o tema do Festival deste ano é "Jovens promovendo os Direitos Humanos"); Notícias das Romarias, do Capítulo Geral do Salesianos, Artigo sobre os 10 anos de caminhada da AJS, Jornada Mundial da Juventude e muito mais.

Clique na imagem ao lado e faça o download da publicação (está em pdf, com 1,90Mb, quando aparecer a página, clique em "download file")


* Nordeste Jovem é uma revista trimestral voltada principalmente para os jovens atuantes em nossas obras, sejam da AJS (Articulação da Juventude Salesiana) ou de outras pastorais. Traz temas ligados à realidade juvenil e ao mundo salesiano, notícias, calendário de atividades e sugestões para trabalho em grupo. Tem atualmente tiragem de 3.000 exemplares, distribuídos principalmente entre as casas salesianas.

sexta-feira, 20 de junho de 2008

FORMAÇÃO DE ANIMADORES


Sábado dia 21 de Junho de 2008 às 7 horas da manha no Centro Pastoral em Gramoré – Natal/RN , acontecerá a formação para animadores da AJS. Todos os animadores da AJS estão convidados. Vamos está com o Jovem Mário Cesar de Areia Branca para nos ajudar no evento.

Eduardo - Natal - Gramoré/RN

terça-feira, 17 de junho de 2008

Encontrão Jovem (Natal - São José)


Junho da festa, mês da alegria! Os santos juninos ficaram contentes com mais um festejo: o Encontrão Jovem que aconteceu no dia 7 (sábado). Foi uma festa completa, sem nada faltar!

O tema e o lema norteadores do encontrão foram: “Por uma Cultura dos Direitos Humanos” – “Eduquemos com o Coração de Dom Bosco”. A programação consistiu de: acolhida, momento oracional e palavra de Pe Mauro, animação e palestra, intervalo com lanche, teatro apresentado pelo grupo de jovens, trabalho em grupo, almoço, recreação, apresentação da filmagem da X Romaria Jovem e proshow do Encontrão feita por Pe Luiz, apresentação dos vários grupos associativos (Grupo Missionário, Grupo de Teatro, Vocacional, ADS, ASSCC, SSCC, ADMA, Ex-Aluno – projeto), Celebração Eucarística e confraternização, encerrando as atividades do dia. Estiveram presentes mais de 120 alunos; fizeram-se presentes também vocacionados sdb, aspirantes a SSCC, Salesianos Cooperadores, ADMA, Aspirantes Salesianos, Ex-Alunos e Salesianos de Dom Bosco.

Participação especial foi a de Pe Luiz – Animador Inspetorial da AJS. Os jovens ficaram muito felizes com sua presença criativa e dinâmica. Agradecimentos de todos ao grande amigo Pe Luiz! Por tudo isso, louvores sejam dados a Deus que ama infinitamente a juventude! Maria Auxiliadora acolha sempre, em seu manto, a todos com carinho maternal! Dom Bosco seja sempre o protótipo de animação juvenil a incendiar os corações de alegria na festa da vida

segunda-feira, 9 de junho de 2008

Romaria Jovem de Gramoré

A Romaria Jovem de Gramoré ocorreu no domingo, 1 de junho. Começou bem cedo, às 7:00h, com a celebração eucarística na comunidade N. Senhora Auxiliadora. Terminada a missa devia iniciar a caminhada, mas uma falha na chegada do mini-trio, fez com que os jovens ficassem duas horas na rua esperando. Ainda bem que não faltou animação! Das 10:30 às 12:30h a romaria passou por todas as comunidades (Pajuçara I; Pajuçara II; Sítio e Gramoré Dom Bosco), levando alegria e entusiasmo pela ruas da paróquia. Muitos ofereciam água para resfriar o calor dos jovens que participavam da caminhada. Três bandas se revisaram na animação e nos cantos. Chegando ao centro paroquial, os jovens ouviram algumas palavras de encerramento, dirigidas por Pe. Diego, e receberam a bênção final.



Cristo-dance em Gramoré (Natal-RN)

O Capítulo Geral 26, que terminou em Roma no início de abril, falou bastante de novas fronteiras e dos novos pátios nos quais devem “passear” os salesianos. Eu pensava (digo a verdade!) quase só na internet! Mas agora posso testemunhar que existem outros pátios.

No dia 31 de maio, depois da coroação de N. Senhora e antes da Romaria Jovem, me convidaram a conhecer uma festa juvenil, chamada de “Cristo-dance”, organizada pela coordenação da AJS.

O lugar no qual estava acontecendo era o novo salão paroquial. Quando entrei, achei tudo comum a outras experiências: muitos jovens, ambiente um pouco escuro, música alta demais, luzes coloridas piscando, locutor que falava muito, música que não era música, mas só ritmo... Porém devagar teve que mudar minhaprimeira impressão: várias músicas eram religiosas ou parecidas, muitos jovens cantavam, o locutor convidava a participar da romaria no dia seguinte, a presença dos coordenadores dos grupos e de alguns pais dava serenidade ao ambiente, ninguém bebia ou namorava no escuro, os jovens eram alegres e tranqüilos... Mas, o que me impressionou mais foi que, na hora estabelecida para terminar a festa (22:00h), os animadores convidaram os jovens a rezar juntos e a receber uma bênção. Depois de dizer uma palavra, com grande comoção interior abençoei aqueles jovens, certo de que Dom Bosco ficou muito feliz no céu por esta boa-noite ‘diferente’.

Escrito pelo Pe. Luiz De Liberali, publicado no Nordeste Hoje - 19

terça-feira, 3 de junho de 2008

Jornada Mariana em Fortaleza

No dia 17 de maio, 90 adolescentes e jovens das casas salesianas (SDB e FMA) de Fortaleza e Aracati reuniram-se na quadra do Colégio Salesiano Dom Lustosa, para celebrar uma jornada mariana. Pe. João Carlos animou a manhã, com uma reflexão e presidindo a eucaristia.

Enviada por: Lourdinha
Foto: Pe. João Carlos

Encontrão Jovem em Aracaju-SE

No último sábado, dia 17, aconteceu o Encontrão Jovem 2008. Num clima de muita animação, reflexão e fé, os jovens viveram durante o dia uma programação toda especial. Pela manhã foi abordado, pelo Profº. Welber, o tema: “No coração está o segredo de educar”, à tarde contamos com a presença do Coordenador estadual das Políticas Públicas da Juventude – Saulo. Oxalá esse encontro produza muitos frutos para a animação da juventude salesiana.

Enviado por: Equipe de pastoral - Colégio N. S. Auxiliadora

segunda-feira, 2 de junho de 2008

ROMARIA JOVEM NATAL - CENTRO

UMA FESTA PARA NOSSA SENHORA AUXILIADORA

Nossa Senhora! Mãe de Deus e mãe nossa! Nossa Senhora Auxiliadora dos cristãos! Que carinho materno Maria tem por seus filhos! O dia 24 de maio foi muito especial e não poderia ser diferente: muita festa, alegria, caminhada, cantos, dança... A Família salesiana - SDB, FMA, SSCC, vocacionados, ADMA, educadores, crianças e jovens - celebraram Nossa Senhora de Dom Bosco e da juventude com a Celebração Eucarística presidida por Pe Mauro (vice-inspetor), concelebrada por Pe Antenor, Pe José Pereira, Pe Luiz De Liberali, Pe Marcos e Pe Charles. O Ginásio do Instituto Maria Auxiliadora foi o espaço litúrgico ideal! Alunos, pais, funcionários, salesianos e salesianas demonstraram amor filial a Maria, bendizendo a Deus por tantas graças. Após a Celebração Eucarística, o trio elétrico estava preparado para acompanhar e favorecer animação a X Romaria Jovem pelas ruas do centro de Natal, até o Colégio Salesiano São José. Para dar um toque de conclusão, alunos dos dois colégios homenagearam Nossa Senhora com apresentações artísticas: dança, teatro, música ao violino. Maria merece tudo isso e muito mais... “Foi Ela quem tudo fez!” Viva Maria Auxiliadora!


Escrito pelo: Pe. Marcos Antônio

ROMARIA JOVEM DO RECIFE REÚNE CENTENAS DE JOVENS

Esta Notícia foi publicada na Folha de Pernambuco
Reporter: Adaíra Victorina

ROMARIA JOVEM DO RECIFE REÚNE CENTENAS DE JOVENS

Trio elétrico, mamãe sacode, muita música e alegria. Esse poderia ser o clima perfeito para qualquer carnaval fora de época, mas quem fez a festa, na manhã de ontem, não foram os “axezeiros” de plantão, e sim, a Articulação da Juventude Salesiana (AJS). A 18ª Romaria Jovem do Recife reuniu centenas de adolescentes e religiosos no Parque 13 de Maio, no Centro da Cidade, e não parou por lá, o grupo seguiu em ritmo de adoração até o Colégio Salesiano, onde houve a apresentação de coreografias de diversos grupos e a animação da banda Cantatus.

Mãos para o alto, não para saldar o trio, mas para agradecer e rezar. A turma, que levantou poeira ao som da banda Kairós, vivenciou o lema da campanha: “Maria, um coração que educa”, e cantou, não os sucessos de Ivete Sangalo, mas os clássicos da música católica. Segundo o padre João Carlos, que presidiu a celebração eucarística no parque, esse ato faz parte de uma cadeia de iniciativas para atrair os jovens. “Eu participo desde o começo e percebo que a juventude vem mudando, o modo de ser deles veio se alterando culturalmente. Ainda temos jovens bastante religiosos, mas com muitas dificuldades para fazer parte dos grupos de base. E também queremos ajudar os jovens que estão na igreja a vivenciar mais a fé”, disse.
O seminarista Salesiano, Marivaldo José Luís, faz parte da Coordenação Central da AJS, e esteve na romaria para confirmar o papel primordial de Maria na história da humanidade. “Há dezoito anos homenageamos Maria, foi ela que tudo fez. Através do seu sim, deu continuidade ao projeto de Deus. É um exemplo de amor, carinho e perseverança. É a nossa educadora”.
Entre os participantes, se destacou Elton José de Oliveira, de 31 anos, a animação era perceptível, ainda que houvesse um forte aspecto limitador que o impedisse de cair no passo junto com os amigos. Elton é deficiente físico e participou da romaria em sua cadeira de rodas. “Participo há oito anos, sou da Igreja do Sagrado Coração de Jesus, no Curado II. Desde que entrei no grupo de jovens, participo dessa caminhada. É muito bom estar em comunhão com Deus e com a Santa Maria”, disse. A romaria, que anteriormente era regional, agora é subdividida. Juazeiro do Norte, Natal e Maceió também vão fazer sua caminhada religiosa durante esse mês.
Jornal ‘Folha de Pernambuco’ - 19 de maio de 2008

Além da Folha de Pernambuco, o Jornal do Commercio e algumas rádio também noticiaram nosso evento.

domingo, 13 de abril de 2008

Parceria AJS Nordeste



O site ajs nordeste é uma proposta de congregação da juventude salesiana do nordeste brasileiro. Esse espaço tem por finalidade divulgar os principais eventos do cotidiano das comunidades salesianas e provocar interação entre elas. Para que esse objetivo seja alcançado, precisamos de jovens generosos e que estejam dispostos a colaborar com mais essa obra. Para isso, Basta se inscrever como autor do AJS Nordeste. Mande seu pedido para o email yanjustino@yahoo.com.br. Lembre-se de enviar os seguintes dados: Nome, Comunidade, endereço, telefone, email.

Grato!